Terça-feira, 1 de Dezembro de 2009

                          

 

Uma pequena cerimónia na Praça dos Restauradores, em Lisboa, assinalou hoje a restauração da independência de Portugal em relação a Espanha, conseguida a 1 de Dezembro de 1640.  *com RR
 
Participaram nesta cerimónia a presidente da assembleia municipal da capital, oficiais dos vários ramos das Forças Armadas, o Partido Popular Monárquico (PPM), o Partido Nacional Renovador (PNR),  a Associação dos Amigos de Olivença, entre outras entidades.
 
Para a presidente da assembleia municipal de Lisboa, Simonetta Luz Afonso, faz todo o sentido recordar o 1º de Dezembro.
 
“Foi um momento importante da nossa História, em que nós, mais uma vez, afirmámos a nossa independência. Nós somos um dos países da Europa com a Língua e as fronteiras mais antigas”, afirma Simonetta Luz Afonso.
 
Na altura da deposição de flores frente ao monumento da restauração participaram os Amigos de Olivença, o PPM e o PNR de extrema-direita, com o seu líder José Pinto Coelho.
 
A Câmara Municipal de Lisboa "desconhece" os critérios de escolha para a deposição de flores e demarca-se da situação, refere Simoneta Luz Afonso.
 
Por seu lado, o presidente da Sociedade de História, Jorge Rangel, que organizou a cerimónia oficial, diz que todas as instituições podem participar nesta cerimónia oficial.
 
Notícias relacionadas:
Dom Duarte culpa República pelo estado "doente" do país
369 Anos da Restauração da Indepedência de Portugal - 1 Dezembro
 

 



publicado por Expressões Lusitanas às 22:41 | link do post | comentar