Quarta-feira, 13 de Janeiro de 2010

 

O ministro Vieira da Silva espera que a recuperação económica que "se fez sentir nos últimos meses" e o mercado nacional tornem possível uma recuperação da "dinâmica de crescimento" que vinha a marcar "intensamente" a actividade turística.

 

Daniel Pinto Lopes (enviado especial à BTL)

 

O ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, que inaugurou hoje a Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), em Lisboa, sabe que o turismo é uma das "actividades económicas mais relevantes", correspondendo a cerca de 11 por cento da criação de riqueza nacional.

 

"Além deste aspecto, é hoje já uma das apostas estratégicas do país e das várias regiões do país", diz.

 

Vieira da Silva sublinha que a importância da BTL é "directamente proporcional" àquela que o turismo representa.
 
"Esta feira é um momento muito relevante na apresentação da diversidade da nossa oferta turística, um momento de negócios para os operadores presentes e também de exposição daquilo que é a renovação da nossa oferta turística", destaca.

 

O turismo em Portugal é, de acordo com Vieira da Silva, "fortemente aberto ao exterior", e, neste sentido, foi um sector que sentiu com "severidade" os efeitos da crise internacional, sobretudo em alguns dos mercados emissores de fluxos turísticos.

 

O governante aponta, assim, a "divulgação do destino interno", que consiste na exploração do turismo por nacionais no espaço nacional, como uma "forma de ajudar a ultrapassar as dificuldades que a recessão trouxe".

 

Vieira da Silva acredita que a combinação entre recuperar os fluxos turísticos internacionais com a continuação da exploração do mercado interno possa trazer, apesar das dificuldades, "um ano melhor".

 

ÁUDIO:

 

Vieira da Silva – "Turismo é uma aposta estratégica do país"
 

 

Vieira da Silva - Expectante na recuperação da dinâmica de crescimento que vinha a marcar a actividade turística

 



publicado por Expressões Lusitanas às 19:25 | link do post | comentar