Quarta-feira, 23 de Junho de 2010

 

A exposição itinerante sobre dinossáurios ‘DinoExpo’, patente em Castelo Branco, recebeu novas réplicas, entre elas um ninho com ovos de dinossáurios e ovos com embriões, informa a organização em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Nas novas peças que a exposição tem agora à disposição dos visitantes é possível ver “ovos com mais de 150 milhões de anos, como é o caso do ovo de um Alossaurídeo”, que foi encontrado em Portugal.

 

As novas réplicas incluem ainda ovos de Saurópode, Oviraptor e de Terópode, detalha a organização no mesmo comunicado.

 

“Os dinossáurios eram animais ovíparos, daí os embriões se desenvolverem dentro de um ovo, fora do corpo da mãe, com substâncias alimentares e de protecção”, contextualiza ainda a organização.

 

Esqueletos, crânios de dinossáurios, garras e dentes são outros elementos que podem ser explorados durante a DinoExpo - “Dinossáurios invadem o Geopark Naturtejo”, promovida por uma empresa holandesa do sector em parceria com o Geopark Naturtejo.

 

A exposição abriu portas no passado dia 27 de Março no Centro de Exposições do NERCAB (Associação Empresarial da Região de Castelo Branco), terminando em finais de Outubro, numa data ainda não divulgada pela organização.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:03 | link do post | comentar