Quarta-feira, 14 de Julho de 2010

 

A Rádio Comercial torna-se na segunda emissora mais ouvida em Portugal, ocupando a posição até agora detida pela Rádio Renascença há longa data. A Mega Hits e a M80 atingem a maior audiência de sempre. A RFM desce, mas mantém a liderança.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Os resultados das audiências de rádio do segundo trimestre de este ano foram hoje revelados pela Marktest no seu estudo Bareme Rádio.

 

Registam-se mudanças nos lugares cimeiros da tabela. A Rádio Comercial (grupo Media Capital Rádios - MCR) sobe 0,8%, passando de 8,4% de AAV – Audiência Acumulada de Véspera - no primeiro trimestre do ano para os agora 9,2%. Neste sentido, retira a segunda posição à Rádio Renascença (grupo r/com), que desce 1,5% (dos 10% para os 8,5% de AAV).

 

Apesar destas mudanças, a RFM (grupo r/com) mantém-se enquanto rádio mais ouvida do país com 13,7% de AAV. Contudo, a rádio das “grandes músicas” perde 0,6% face ao primeiro trimestre de 2010 (14,3%).

 

Ainda no grupo r/com, a Rádio Sim, dirigida ao público sénior, desce 0,3% atingindo uma AAV de 0,9%.

 

A M80 (grupo MCR) é uma das duas rádios que regista uma maior subida (1,1%) e apresenta 4,1% de AAV, ocupando o sexto lugar, o mesmo que a TSF (4,1% de AAV). A rádio notícias vê a sua audiência subir 0,3%.

 

A Mega FM (grupo r/com) é a segunda rádio a registar uma subida importante de 1,1%, ficando em sétimo lugar nos 3% de AAV, um pouco longe dos 5% de AAV da sua concorrente Cidade FM, que sobe 0,3, mantendo-se no quarto lugar.

 

No grupo RTP, a Antena 1 sobe apenas 0,1%, conseguindo, porém, manter o quinto lugar, com 4,4% de AAV.

 

A Antena 3 vê as suas audiências descerem de 3,3% para 2,7% de AAV, o que equivale a uma variação negativa de 0,6%, estando no oitavo lugar.

 

A nível dos resultados dos quatro grupos de rádio nacionais, o grupo r/com continua a assumir a liderança (25% de AAV), embora registe uma descida de 1,3% neste segundo trimestre. Segue-se o grupo Media Capital Rádios com 18,7% de AAV (uma subida de 1,4%).

 

O grupo da rádio pública decresce 0,5% do primeiro para o segundo trimestres (7,5% de AAV) e a TSF sobe 0,3%, registando 4,1 de AAV.

 

Recorde-se que AAV significa Audiência Acumulada de Véspera e trata-se do número ou percentagem de indivíduos que escutaram uma estação no período de um dia, independentemente do tempo despendido, tendo em conta que este indicador é calculado sobre a véspera.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:11 | link do post | comentar