Sábado, 8 de Janeiro de 2011

 

O cronista de 65 anos foi sexta-feira encontrado morto num hotel de Nova Iorque, relata o jornal norte-americano Daily News, que cita fontes policiais. A teoria de assassinato está em cima da mesa. O companheiro de Castro Castro, de seu nome Renato Seabra, de 21 anos e natural de Cantanhede, é o principal suspeito.

 

Expressões Lusitanas

 

Carlos Castro e o companheiro Renato Seabra deram entrada no hotel nova-iorquino no dia 29 de Dezembro. A macabra descoberta foi feita no quarto 3416. De acordo com o Daily News, o jornalista foi morto e mutilado na zona genital.

 

A polícia está no local a reunir provas e a tentar descortinar os meandros do crime.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:09 | link do post | comentar