Segunda-feira, 29.11.10

Tony Carreira conversava com a filha de uma fã


Tony Carreira esperou pelo fim do ano para lançar o seu novo disco. “O Mesmo de Sempre” é o título escolhido e substitui “O Homem Que Sou” (2008). O cantor português esteve presente numa sessão de autógrafos no Centro Comercial Colombo, que se prolongou madrugada dentro.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

À hora marcada para a sessão de autógrafos – 22:30 – uma longa fila percorria uma loja do grupo Sonae no Centro Comercial Colombo, em Lisboa. Tony Carreira iria fazer o lançamento oficial do seu novo disco “O Mesmo de Sempre” e conviver com os seus admiradores.

 

Apesar de ser uma novidade, algumas fãs entoavam já os versos dos novos temas incluídos no álbum, à medida que as músicas soavam pelo sistema de som da loja.

 

“És o maior, Tony”, “Se fosses meu homem não te deixava sair de casa”, “Ai, que ainda desmaio” eram algumas das frases que se ouviam um pouco pela extensa fila. A calcular pelo número de pessoas presente, a sessão de autógrafos prolongar-se-ia pela madrugada.

 

Recorde-se que Tony Carreira realizou dois concertos este fim-de-semana no Pavilhão Atlântico, em Lisboa, no qual interpretou o tema de estreia do novo disco – “A Saudade de Ti”.



publicado por Expressões Lusitanas às 16:10 | link do post | comentar

Quarta-feira, 29.09.10

 

A portuguesa Aurea, natural de Santiago do Cacém, estreia-se no mundo da música com um disco homónimo. As sonoridades do ‘jazz’ e da soul’ estão intimamente ligadas e são o fio condutor deste disco, no qual o amor é o “tema principal”.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O caminho até ao lançamento do seu primeiro álbum começou na Universidade de Évora. Aurea estava no curso de Teatro e conheceu aquele que viria a ser o compositor da maioria das músicas presentes neste disco, de seu nome Rui Ribeiro.

 

O primeiro álbum de Aurea contém 12 temas, três dos quais são versões de artistas ou grupos dos anos 60 e 80.

 

Porém, nenhuma das canções é cantada em português. Aurea justifica que, tratando-se de um disco de música ‘soul’, faz “mais sentido” incluir temas em inglês. [mais detalhes na reportagem vídeo]



publicado por Expressões Lusitanas às 16:47 | link do post | comentar

Quarta-feira, 22.09.10

 

Mafalda Arnauth vai lançar no dia 11 de Outubro o seu novo disco, no qual presta o seu “reconhecimento” a todas as “almas fadistas” que a inspiraram. Amália Rodrigues, Hermínia Silva, Fernanda Baptista, Celeste Rodrigues e Beatriz da Conceição são algumas das homenageadas.

 

Expressões Lusitanas

 

"É, claramente, uma homenagem às mulheres. ‘Em “Fadas” escolhi cantar algumas dessas vozes. São mulheres únicas e mágicas. Tive o privilégio de conhecer algumas. E mesmo aquelas que não conheci foram cruciais no meu crescimento e evolução enquanto fadista", explica Mafalda Arnauth em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Amália Rodrigues, Hermínia Silva, Fernanda Baptista, Celeste Rodrigues e Beatriz da Conceição são apenas algumas dessas “referências” que Mafalda Arnatuh conseguiu trazer a este novo trabalho discográfico.

 

Além de uma referência ao universo feminino do fado, trata-se também de uma homenagem às “letras e músicas” e à “magia” que estas conseguem trazer consigo e que têm feito do fado “o lugar de expressão máxima da nossa cultura portuguesa, da mais popular à mais erudita, da mais simples à mais elaborada”.

 

‘Fadas’ vai ser editado oficialmente a partir do dia 11 de Outubro.



publicado por Expressões Lusitanas às 17:46 | link do post | comentar

Terça-feira, 07.09.10

 

O músico português apresenta o seu terceiro álbum de originais intitulado “Catavento”, um trabalho que conta com a participação vocal da artista polaca Anna Maria Jopek, das portuguesas Ana Laíns e Dulce Pontes, da brasileira Daniela Procópio e do compositor brasileiro Ivan Lins.

 

Expressões Lusitanas


Para além destes nomes, Beto Betuk contou ainda com a colaboração de diversos instrumentistas nacionais e internacionais.

 

O compositor, letrista e produtor polaco Marcin Kydryński, que também é jornalista (escreve críticas musicais), considera ‘Catavento’ como um disco “completo”, “profundo” e “coerente”.

 

“É também a primeira vez que ele deixou todas as suas influências fluírem tão livremente”, afirma, citado em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas pela agência de Beto Betuk.

 

O novo álbum do músico português necessitou de três anos para ser finalizado e vai ser lançado oficialmente esta quinta-feira, 09 de Setembro.



publicado por Expressões Lusitanas às 20:07 | link do post | comentar

Terça-feira, 17.08.10

 

A artista brasileira, que formou dupla com o seu irmão – Sandy & Júnior –, aposta agora na sua carreira a solo, através de “Manuscrito”, disco que vai ser lançado a 20 de Setembro. “Pés Cansados” é o tema de avanço.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Após o anúncio do final da dupla Sandy & Júnior, em finais de 2007, a cantora brasileira regressa ao mundo da música com o seu primeiro disco a solo, concebido durante dois anos.

 

O álbum foi gravado “com calma” e “em vários lugares”, “numa inesperada conexão” entre São Paulo (Brasil), Londres (Inglaterra) e Campinas (Brasil), detalha a editora de Sandy ao Expressões Lusitanas.

 

Na nota enviada é ainda referido que Sandy teve “total liberdade de criação” na concepção do seu primeiro registo a solo, afirmando que “Manuscrito” é “a sua cara”.

 

“Gravei o repertório que queria, do jeito que queria, com os músicos que escolhi, fazendo muitos ensaios, sem me preocupar com prazos. É o sonho de qualquer artista”, destaca a cantora e compositora, citada no comunicado.

 

Trata-se de um disco “predominantemente acústico e suave”, gravado na “companhia” do marido de Sandy (Lucas Lima) e do irmão Júnior Lima, que com ela divide a autoria da maior parte das canções do novo álbum.

 

“Pés Cansados” é o tema de avanço do disco com data de lançamento marcada para 20 de Setembro.



publicado por Expressões Lusitanas às 23:57 | link do post | comentar

Quarta-feira, 28.07.10

 

Os GNR não lançavam um disco de originais há oito anos (2002). “Retropolitana” veio quebrar esta pausa, que consideram ter sido o “tempo suficiente” para se fazer um álbum novo. “Rei do Roque” é o tema de estreia.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

A gravação do novo disco teve lugar em estúdio próprio, mais concretamente na antiga sala de ensaios agora equipada.

 

O novo álbum apresenta 12 temas com um perfil “urbano” e uma sonoridade “pop”, ao longo de uma viagem pelas várias canções do disco, explica ao Expressões Lusitanas o vocalista do grupo, Rui Reininho.

 

A capa do disco é composta por uma foto da peça “Sr. Vinho”, da autoria da artista plástica Joana Vasconcelos.

 

Os GNR explicam a escolha da imagem pela “admiração” que têm pela artista e pela “irreverência” comum nos seus trabalhos, com a qual se “identificam”.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:43 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.07.10

 

O novo álbum de Camané, que vai ser lançado a 27 de Setembro, chamar-se-á “Do Amor E Dos Dias”. A apresentação ao vivo vai decorrer no Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, no dia 07 de Outubro.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O sexto disco de Camané é composto por 18 temas e conta com a produção de José Mário Branco, responsável também pelos arranjos e direcção musical.

 

Como habitualmente, Camané é acompanhado por José Manuel Neto (guitarra portuguesa), Carlos Manuel Proença (viola) e Carlos Bica (contrabaixo).

 

O novo trabalho discográfico terá quatro diferentes edições, como a "Edição Especial Limitada" (CD/DVD com gravação vídeo ao vivo de temas do novo álbum),“Edição Standard" em CD, “Edição Vinil” (duplo vinil/CD) e ainda "Edição Digital".



publicado por Expressões Lusitanas às 20:11 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.07.10

 

O cantor, compositor e ex-ministro da Cultura do Brasil regressa aos discos com “Fé Na Festa”, um álbum com lançamento em Portugal previsto para segunda-feira, 26 de Julho. Os ritmos do Nordeste do Brasil vão ser o ponto central do novo trabalho discográfico.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“Fé Na Festa” é um álbum “repleto de maxixe, baião, xote, forro e muita sanfona, sempre tendo em mente mestres, como Gonzagão e Jackson do Pandeiro”, explica a editora do músico em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.


A aproximação ao nordeste brasileiro e a exploração das suas sonoridades são tidas em conta em “Fé Na Festa”. Apesar deste novo caminho, os “mandamentos” do movimento do tropicalismo continuam presentes no seu novo álbum, que estará disponível em Portugal na segunda-feira, 26 de Julho.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:47 | link do post | comentar

 

‘Vagarosa’ é o título do novo disco da brasileira Céu, um álbum que “mescla todas as influências ‘dub’, ‘trip-hop’ e música popular brasileira”, explica a editora da artista em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas. O próximo espectáculo em Portugal é em Sines.

 

Expressões Lusitanas


Trata-se de um disco “de contemplação ao Brasil visto pelos olhos de uma paulista que mistura influências brasileiras com electrónica ‘mid-tempo’ e ‘trip-hop’", detalha.

 

‘Vagarosa’ apresenta-se como “um manifesto entre o novo e mais improvável Brasil”, com passagens por ‘Rosa Menina Rosa’, de Jorge Ben, e convites à nova geração, através da presença no disco de vários artistas, tais como Thalma de Freitas (Orquestra Imperial) e BNegão (Planet Hemp).

 

Após uma passagem pela Casa da Música, no Porto, no passado dia 29 de Junho, Céu regressa a Portugal integrada no Festival Músicas do Mundo, em Sines, no dia 28 de Julho.



publicado por Expressões Lusitanas às 17:58 | link do post | comentar

Segunda-feira, 19.07.10

 

O segundo disco a solo de Filipe Gonçalves é hoje lançado oficialmente e intitula-se ‘De Volta Ao Tempo do Vinil’, projecto “inspirado nas cores e sonoridades dos anos 60, 70 e 80”, explica a editora Sony Music em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“Com arranjos que nos levam até aos géneros musicais desse período dourado, os novos temas originais fazem desta viagem uma fusão intemporal”, detalha a editora.

 

O novo disco de um dos participantes do concurso Operação Triunfo apresenta várias sonoridades, como ‘blues’, ‘soul’, ‘afrobeat’, ‘gospel’ e ‘funk’, e inclui temas integralmente cantados em português.

 

‘De Volta Ao Tempo do Vinil’ é lançado hoje, 19 de Julho. Os temas “Sente Bem” e “Paraíso” são os primeiros a serem conhecidos do novo e segundo trabalho discográfico de Filipe Gonçalves.



publicado por Expressões Lusitanas às 21:03 | link do post | comentar

Sexta-feira, 09.07.10

 

Paulo Gonzo lançou recentemente o seu novo disco intitulado ‘By Request’, que marca o regresso do músico às origens e à influência da sonoridade ‘soul’ e da sua “Go Graal Blues Band”. No novo álbum canta temas célebres de Frank Sinatra, Otis Redding ou James Brown.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O novo trabalho discográfico de Paulo Gonzo é composto por 12 canções, cujo processo de escolha constituiu um “trabalho árduo” e que demorou meses, refere o músico ao Expressões Lusitanas.

 

Produzido pela dupla Cindy Blackman e Jack Daley, responsáveis pelo trabalho do norte-americano Lenny Kravitz e da britânica Joss Stone, bem como do mexicano Carlos Santana, ‘By Request’ foi gravado sem recorrer a “grandes artifícios”.



publicado por Expressões Lusitanas às 10:28 | link do post | comentar

Quarta-feira, 07.07.10

 

A vocalista dos Mesa estreia-se a solo com o disco “Start Stop”, produzido por André Indiana, artista que apresenta, por seu lado, o terceiro álbum da sua discografia intitulado “X-Glamour”, informa a agência dos dois músicos em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Mónica Ferraz estreia-se a solo com o disco “Start Stop”, que, de acordo com a agência da artista, se apresenta num registo “completamente diferente” daquele que tem vindo a habituar enquanto vocalista dos Mesa.

 

“Produzido por André Indiana, cantado em inglês e em ambiências entre o rock, a pop e a ‘soul’, a artista surpreende com a maturidade das letras, da composição musical e de uma magnífica interpretação”, adianta o mesmo comunicado.

 

O tema de estreia da primeira experiência a solo da vocalista dos Mesa chama-se “Go Go Go”. No total, o disco apresenta dez temas originais.

 

Por seu lado, André Indiana apresenta o seu terceiro álbum intitulado “X-Glamour”, num registo “directo, de puro ‘rock and roll’, sem espinhas, com músculo e muita alma”, é sublinhado no mesmo comunicado.

 

O tema “Best Behind” é a primeira aposta que André Indiana faz na promoção deste seu novo trabalho discográfico.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:59 | link do post | comentar

Sexta-feira, 02.07.10

 

Os Pintos Ferreira são uma banda pop/rock que acabou de lançar o seu primeiro disco, depois de “alguns meses embrulhados na enfadonha vida de escritório”. ‘Violinos no Telhado’ é o tema de estreia.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O primeiro disco do grupo é composto por nove canções que retratam um “pop/rock fresco e feliz por estar vivo”, explica a banda em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

“O resultado consiste em nove canções que viajam por ambientes bipolares entre sentimentalismos ingénuos, amores obsessivos e a estupidez humana”, refere.

 

O álbum foi gravado entre Janeiro e Março de 2010 nos estúdios do Olival, com Fred Ferreira na bateria, Filipe Valentim nos sintetizadores e Nuno Espírito Santo no baixo.

 

Com letras de Pedro Malaquias, o primeiro trabalho discográfico de Pinto Ferreira contou com a produção de Flak e com as participações especiais de Gonçalo Galvão no tema ‘Às Vezes Sou Visitado’ e Márcia Santos no tema ‘Elogio da Estupidez’.

 

A festa de lançamento do álbum de estreia dos Pinto Ferreira decorreu esta quinta-feira, 01 de Julho, na Fábrica de Braço Prata, em Lisboa.

 

VÍDEO:

 



publicado por Expressões Lusitanas às 11:58 | link do post | comentar

Quarta-feira, 30.06.10

 

O compositor Júlio Pereira apresentou esta semana o seu novo trabalho discográfico intitulado “Graffiti”, que envolveu nove meses de trabalho consecutivo. Os dez temas com letras de Tiago Torres da Silva foram interpretados por vozes conhecidas da música portuguesa.

 

Daniel Pinto Lopes

Expressões Lusitanas

 

“O Júlio compôs as músicas, já a pensar nas vozes que queria para interpretá-las, o Tiago Torres da Silva escreveu as letras e o Tiago Tarón fez os desenhos que ilustram, sob o lema ‘Graffiti’, cada uma das canções”, explica a agência em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Os dez temas incluídos no novo disco de Júlio Pereira são interpretados por vozes femininas da música portuguesa, como Sara Tavares, Dulce Pontes, Nancy Vieira, Manuela Azevedo ou Luanda Cozetti.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:59 | link do post | comentar

Terça-feira, 29.06.10

 

Emanuel regressa este ano com “Esperança”, um disco “a pensar no Verão” e que pretende “transmitir alegria” através da sua música, sobretudo para “as pessoas que gostam” das suas canções.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

No novo disco, Emanuel aposta em dois ritmos que estão actualmente na moda - o ‘kuduro’ e a ‘kizomba’ -, aliados à sonoridade da música popular portuguesa.

 

Por seu lado, as composições românticas mantêm-se no novo trabalho de Emanuel, mas em menor escala.

 

O Expressões Lusitanas assistiu às gravações do tema de estreia “O Ritmo Do Amor (Kuduro)”, num ambiente descontraído, de praia e de Verão, no interior de um bar das praias da Costa da Caparica.



publicado por Expressões Lusitanas às 15:12 | link do post | comentar

Quarta-feira, 16.06.10

 

O disco “Quartas de Fado”, que vai ser apresentado hoje, às 18:30, no Casino Estoril, presta homenagem ao fadista Carlos Zel (1950-2002), recuperando duas dezenas de fados interpretados pelo próprio no Wonder Bar do Casino e gravados nas “Quartas-Feiras do Fado”, já durante os seus últimos anos de vida.

 

Expressões Lusitanas

 

Em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas, a editora Movieplay, responsável pela edição do disco de homenagem a Carlos Zel, refere que na apresentação do mesmo vão estar presentes familiares e amigos, como, por exemplo, António Capucho, Argentina Santos, Carlos do Carmo, Celina Pereira, Jô e Álvaro Caneças, José La Feria, João Braga e José Manuel Osório.

 

Para além destes amigos, a apresentação conta ainda com as presenças de José Raposo, Júlio César, Lili Caneças, Luís Represas, Margarida e Manuel Damásio, Mário Laginha, Pedro Santana Lopes, Maria da Fé, Mário Assis Ferreira, Ricardo Pais, Rui Salvador, Rui Veloso, Rui Vieira Nery, Salwa Castelo Branco e Bernardo Sasseti.

 

Recorde-se que Carlos Zel nasceu em 1950 na Parede (Cascais) e estreou-se com 21 anos na Emissora Nacional. Ao longo da sua carreira esteve no Teatro de Revista, integrou o elenco de várias casas de fado e pisou vários palcos internacionais, como o do Festival de Edimburgo. Faleceu repentinamente em Fevereiro de 2002.



publicado por Expressões Lusitanas às 13:31 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Segunda-feira, 07.06.10

 

A banda de Setúbal apresenta o seu novo disco de originais. “High And Above” reúne um conjunto de “canções positivas, directas e despretensiosas”, numa sonoridade pop/rock e “elementos de música mais alternativa”, informa a agência da banda em comunicado.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“Days of Our Own” e “Black Tears” (em dueto com Ana Free) são os dois temas de estreia retirados do novo trabalho discográfico lançado em início deste mês de Junho.

 

As duas canções já estão acompanhadas pelos respectivos ‘videoclips’ idealizados e produzidos pelos próprios Hands On Approach.

 

As imagens escolhidas “reflectem a nova música” da banda, onde as texturas “unem os sentidos, dando cara a este novo trabalho”, explica ainda a agência do grupo no comunicado.

 

VÍDEO: Hands On Approach – Days Of Our Own




publicado por Expressões Lusitanas às 19:17 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.04.10

Créditos fotográficos: Alexandre Nobre

 

Um anos após a morte de João Aguardela, um dos mentores de A Naifa, o projecto regressa com um livro e DVD biográfico intitulado “Esta Depressão Que Me Anima”. O primeiro reencontro da nova formação acontece hoje, às 18:00, na FNAC do Chiado.

 

Daniel Pinto Lopes

 

A nova formação de A Naifa é composta por Sandra Baptista no baixo e Samuel Palitos na bateria, juntando-se assim a Maria Antónia Mendes e a Luís Varatojo, que, com o falecido João Aguardela, é o mentor do projecto.

 

“A vontade de continuar a fazer esta música sobrepôs-se à dor da perda e uma nova Naifa nasceu no espectáculo de homenagem a João Aguardela em Novembro último no CCB [Centro Cultural de Belém] ”, pode ler-se no comunicado enviado pelo grupo ao Expressões Lusitanas.

 

O livro/DVD biográfico dos primeiros quatro anos de carreira da banda “Esta Depressão Que Me Anima” retrata o “universo” de A Naifa,  por “dentro” e por “fora”.

 

Os poemas que deram origem às canções dos três discos, as obras gráficas que fizeram as capas, as fotografias de mais de uma centena de espectáculos e os testemunhos do público que, em alguns casos, criou “laços afectivos” com a banda são alguns dos elementos presentes neste livro.

 

O DVD inclui, por sua vez, a gravação de um concerto da digressão de 2008 e um documentário produzido em 2006.

 

O lançamento de “Esta Depressão Que Me Anima” vai ser realizado hoje, às 18:00, na FNAC do Chiado, em Lisboa, seguido de um pequeno espectáculo, informa o grupo no mesmo comunicado.



publicado por Expressões Lusitanas às 06:05 | link do post | comentar

Terça-feira, 20.04.10

 

Os Mão Morta editam um novo álbum de originais intitulado "Pesadelo em Peluche", um disco em que a banda natural de Braga recupera o formato canção e pretende celebrar os 25 anos de carreira.

 

Daniel Pinto Lopes

 

"Pesadelo em Peluche" teve como ponto de partida o livro “The Atrocity Exhibition" (“A Feira de Atrocidades”) do escritor chinês, mas radicado na Grã-Bretanha, J. G. Ballard.

 

Neste livro, Ballard retrata a nova percepção do real que o panorama mediático e cultural estabelecido pela moderna comunicação de massas induz no indivíduo.

 

A nova aposta dos Mão Morta é um disco de canções de rock, em que a sonoridade do grupo “está presente”, sublinha o vocalista Adolfo Luxúria Canibal ao Expressões Lusitanas.

 

"Novelos da Paixão" é o tema de estreia deste trabalho discográfico, que pretende assinalar os 25 anos de carreira dos Mão Morta.

 

Para apresentar “Pesadelo em Peluche”, a banda bracarense vai subir ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa, no dia 29 de Abril.

 

Para este espectáculo, Adolfo Luxúria Canibal adianta que o repertório se vai basear em alguns temas do novo disco, assim como dos registos anteriores dos Mão Morta.

 

(mais detalhes no vídeo)



publicado por Expressões Lusitanas às 20:59 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Quinta-feira, 15.04.10

 

O sucessor de "Magnífico Material Inútil" d' Os Pontos Negros vai ser lançado no dia 17 de Maio. "Pequeno Almoço Continental"  será o segundo trabalho discográfico da banda de Queluz.

 

Expressões Lusitanas

 

Os Pontos Negros têm já agendado um concerto de apresentação do novo álbum no Cinema São Jorge, em Lisboa, no dia 28 de Maio, às 21:30.



publicado por Expressões Lusitanas às 21:28 | link do post | comentar | ver comentários (1)