Quarta-feira, 31.03.10

 

'Leva-me a Dançar' é a primeira canção extraída do álbum “Energia”, a editar em breve pelos Santos & Pecadores, informa a agência da banda em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Expressões Lusitanas

 

'Leva-me a Dançar' é uma "canção dançável, que transporta consigo uma energia muito positiva", refere Olavo Bilac à agência do grupo.

 

"Um tema que facilmente se torna viciante à primeira audição, sintetizando na perfeição uma sonoridade refrescante que procurámos na execução deste novo disco", sublinha o artista.

 

“Energia” vai ser, quando editado, o sexto trabalho de estúdio, depois de quatro anos de espera e promete ser "um marco na carreira" dos Santos & Pecadores.

 

A colaboração com o produtor Rui David, dos Hands On Approach, é também "parte fundamental em todo o processo", responsável por "mostrar ao grupo caminhos por explorar" e "criando uma massa sonora nunca antes ouvida em outros trabalhos dos Santos & Pecadores", conclui a agência no mesmo comunicado.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:57 | link do post | comentar

Terça-feira, 16.03.10

 

"Rei do Roque" é o primeiro tema do novo disco dos GNR, um álbum ainda sem título e a editar em breve, após uma pausa de oito anos na gravação de originais. Paralelamente, a banda vai estrear a nova página na Internet.

 

Daniel Pinto Lopes

 

Em quase 30 anos de carreira é a primeira vez que os GNR gravam em estúdio próprio. Após uma pausa de cerca de oito anos na gravação de originais, a banda portuense promete "um conjunto de canções assumidamente GNR", de acordo com informações do "pilar central do grupo" - Rui Reininho, Tóli César Machado e Jorge Romão -, citados pela agência da banda em comunicado.

 

A página oficial dos GNR na Internet vai ser estreada em breve, através da qual os elementos do grupo vão comunicar "todas as informações sobre o novo álbum", adianta a agência.

 

A história do grupo, fotografias de arquivo e outras curiosidades também vão poder ser consultadas.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 16:23 | link do post | comentar