Quinta-feira, 20.01.11

 

(Da esquerda para a direita) O director de programas da SIC, Nuno Santos, o actor José Fidalgo, o director-geral do canal, Luís Marques, a directora de produção da SIC, Gabriela Sobral, e o consultor para a ficção nacional da SIC, Virgílio Castelo


Os actores José Fidalgo e Joana Santos assinaram na sexta-feira, 14 de Janeiro, um contrato de exclusividade pela SIC e válido por três anos. Prossegue a estratégia da estação de Carnaxide para se tornar líder em 2011.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“Estou pronto para vestir a camisola, por causa dos novos desafios que se avizinham”, refere José Fidalgo, que desempenhou o seu primeiro papel na SIC em ‘O Olhar da Serpente’. Com 31 de anos de idade, o actor estreou-se com a peça ‘Auto da Cananeia’, de Gil Vicente, em 1998/99, com encenação de Maria Emília Correia e apresentada na Companhia de Teatro O Vermelho e o Negro, no Convento de D. Dinis, em Odivelas.

 

Na televisão, José Fidalgo participou em produções dos três canais generalistas nacionais. Ainda esta semana, o actor esteve na apresentação de ‘Maternidade’, série de ficção em que desempenha o papel de obstetra e com transmissão na RTP 1, a partir de 30 de Janeiro.

 

Por seu lado, Joana Santos refere que assinar o contrato de exclusividade com o canal de Carnaxide é um “reflexo” do trabalho feito até agora “e que é para continuar”.

 

“Vou lutar para fazer sempre um bom trabalho e venham os novos desafios”, refere a actriz de 24 anos, que teve a sua primeira experiência televisiva em ‘Fala-me de Amor’ (2006), na TVI.

 

A justificação para a assinatura do contrato com os dois actores é feita pelo director de programas do canal. Nuno Santos explica que José Fidalgo é “um grande talento” e “sabe que, para ser cada vez melhor, precisa de trabalhar e de aprender”. Em relação a Joana Santos, o responsável considera tratar-se da “grande revelação da ficção portuguesa”.

 

Recorde-se que a estação de Carnaxide está a seguir uma estratégia para conseguir regressar à liderança das audiências. “A SIC quer ser líder e 2011 vai ser o ano da estação. Os telespectadores vão ver algo de muito sólido a formar-se”, disse o director-geral, Luís Marques, na conferência de imprensa de apresentação de mais um reforço – Júlia Pinheiro.

 

 



publicado por Expressões Lusitanas às 14:31 | link do post | comentar

Terça-feira, 18.01.11

 

O canal de informação da TVI iniciou as suas emissões em Cabo Verde, país que se junta a Angola e Moçambique na lista de Países de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) com acesso ao TVI 24.

 

Expressões Lusitanas


O TVI 24 está disponível no canal 7 da plataforma CVM, a TV Cabo de Cabo Verde.



publicado por Expressões Lusitanas às 13:43 | link do post | comentar

Sábado, 15.01.11

Júlia Pinheiro é a nova contratação da SIC


O objectivo foi traçado pelo director-geral da SIC, Luís Marques. A mais recente contratação do canal é Júlia Pinheiro, um trunfo importante para o caminho que se avizinha, mas o “ónus” do processo “não recai” sobre a apresentadora.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“A SIC quer ser líder e 2011 vai ser o ano da estação. Os telespectadores vão ver algo de muito sólido a formar-se”, disse Luís Marques esta sexta-feira na conferência de imprensa de apresentação do novo reforço – Júlia Pinheiro.

 

Contudo, o responsável asseverou que a responsabilidade pela concretização do objectivo agora traçado “não recai” sobre Júlia Pinheiro.

 

“Não fomos buscá-la para sermos líder. A Júlia é parte integrante de um projecto que pretende ser líder. O desafio passa pela capacidade de produzir e formatar programas com qualidade e que fiabilizem a nossa audiência”, rematou o responsável.

 

A nível de orçamento, Luís Marques garante que, este ano, a SIC “não vai gastar mais do que no ano passado”. “Estamos é a gerir melhor”, indicou.



publicado por Expressões Lusitanas às 14:06 | link do post | comentar | ver comentários (4)

Sexta-feira, 14.01.11

Chegada de Júlia Pinheiro aos estúdios da SIC, em Carnaxide


Júlia Pinheiro regressa à SIC, após ter estado na rival de Queluz de Baixo (TVI) durante nove anos. “Estou no sítio certo”, disse a apresentadora esta sexta-feira aos jornalistas. Com um cargo na direcção de programas, Júlia Pinheiro vai também apresentar o programa da manhã e a versão portuguesa de ‘The Biggest Loser’ (“O Peso Certo”).

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“Na segunda-feira, a Júlia Pinheiro fará parte dos quadros da SIC”, anunciou hoje o director-geral. Luís Marques acrescentou ainda que Júlia é “essencial” à SIC e “pertence” ao ADN da estação”.

 

No dia do regresso a “casa”, Júlia Pinheiro mostrou-se visivelmente satisfeita e “enternecida” pelo afecto demonstrado pelos colegas que a receberam.

 

As conversações para trazer de volta a apresentadora para Carnaxide demoraram cerca de um ano e meio, período que coincidiu com a saída do então director-geral da TVI José Eduardo Moniz da TVI. Posteriormente, a transferência do ex-braço direito de Moniz, Gabriela Sobral, foi outro dos pontos a pesar na decisão final de Júlia Pinheiro.

 

Outro dos motivos prende-se com o “desafio”. “A TVI, onde fui muito bem tratada, é líder há seis anos e tal facto faz com que haja pouco para fazer e se adopte uma estratégia defensiva”, explicou.

 

A lista de programas pelos quais a apresentadora vai dar a cara já está fechada. “Em Fevereiro arranca um novo programa da manhã e, em finais de Abril, a versão portuguesa de ‘The Biggest Loser’ vai ser apresentada pela Júlia”, adiantou o director de programas, Nuno Santos.

 

A contratação foi hoje materializada com a assinatura do contrato, que contou com a presença do presidente do grupo Impresa, detentora da SIC, Francisco Pinto Balsemão.

 

A chegada à SIC, a visita à sua fotografia afixada num dos corredores da estação e a homenagem no “Companhia das Manhãs” foram transmitidos em directo e registados por mais de uma dezena de fotógrafos.

 

Um dos temas discutido nos últimos tempos na imprensa especializada prendia-se com o salário que Júlia Pinheiro iria ganhar na SIC. O director-geral do canal não revelou valores, mas garantiu que estão “em linha de conta” com aquilo que auferia na TVI.



publicado por Expressões Lusitanas às 21:03 | link do post | comentar

Quarta-feira, 12.01.11

Rui Veloso é um dos padrinhos do projecto


A RTP anunciou esta terça-feira a criação de um novo projecto dirigido ao universo musical de língua portuguesa. Com data de estreia marcada para 07 de Março, o novo canal vai ser financiado por receitas próprias, nomeadamente pela publicidade e distribuição.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O RTP Música poderá ser visto no cabo e na Internet e está vocacionado para os espectadores de uma faixa etária entre os 10 e os 34 anos.

 

Focado na música produzida no mundo lusófono, o RTP Música vai “deixar de fora” o ‘jazz’ e a música clássica, pelo facto de o novo canal não estar “formatado” para tal, refere o director do projecto ao Expressões Lusitanas, à margem de apresentação dos novos projectos da RTP para 2011, que teve esta terça-feira lugar no Palácio Foz, em Lisboa.

 

Os critérios na escolha dos artistas assentam na “qualidade” e no “talento”. “À partida não excluímos nada, mas tal pode acontecer”, afirma ainda Jaime Fernandes.

 

A nova aposta do grupo RTP pretende também estimular o aparecimento de novos grupos e autores, dinamizar a produção de ‘videoclips’ e promover a divulgação de acontecimentos musicais (concertos, festivais, entre outros).

 

O novo canal não está abrangido pelo contrato de concessão do serviço público e, portanto, terá de se auto-financiar e obter receitas próprias, “através da publicidade e da distribuição”.

 

Rui Veloso é um dos padrinhos do projecto e, em declarações ao Expressões Lusitanas, diz tratar-se da “melhor oportunidade” para a música portuguesa nos “últimos 15 anos”.

 

“É uma boa ideia e vamos ver como se substancia. Infelizmente, estou habituado a ver em Portugal muito boas ideias a aparecer e logo depois a desaparecer”, aponta.

 

Rui Veloso acrescenta ainda que esta iniciativa se devia expandir ao meio rádio, algo que assevera ter já proposto aos responsáveis da RTP.

 

Respondendo ao repto de Rui Veloso, o administrador do grupo público, Guilherme Costa, afirma ao Expressões Lusitanas que qualquer iniciativa “inovadora” e “bem sucedida” tem “inevitavelmente” efeitos sobre os canais e antenas generalistas já instaladas. Por outro lado, mostra-se mais cauteloso, ao referir que não se deve “antecipar” ou “replicar” iguais modelos.

 

A estreia do canal está agendada para 07 de Março, dia em que se comemora o 54º aniversário da RTP. “De olho na música portuguesa” é o lema da nova estação de televisão.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 19:51 | link do post | comentar

Segunda-feira, 10.01.11

 

Bárbara Guimarães regressa à apresentação de concursos televisivos


“Pretendemos recuperar a liderança das noites de domingo da SIC”. É desta forma que o director de programas da estação de Carnaxide, Nuno Santos, eleva a fasquia de um programa em que os talentos individual e colectivo são o elemento central. Bárbara Guimarães regressa à televisão, após a licença de maternidade. Estreia a 30 de Janeiro.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O formato teve origem nos Estados Unidos e, desde então, foi adoptado por vários países, como a Inglaterra, Austrália ou França. Contudo, foi em terras de sua majestade que o programa ficou mais conhecido. Aqui foram descobertos vários talentos, como Susan Boyle e Paul Potts.

 

‘Portugal Tem Talento’ chega ao nosso país pela mão da SIC e é produzido pela Fremantle Media. Foram recebidas milhares de inscrições, mas apenas um candidato pode ganhar o prémio de 100 mil euros.

 

Os participantes passam por três fases – audições, semifinais e grande final - e têm de enfrentar a opinião dos três jurados convidados. O encenador Ricardo Pais, a jornalista Conceição Lino e o humorista José Diogo Quintela são os nomes escolhidos.

 

A “mordacidade” dos comentários por parte dos jurados aos concorrentes não será critério do programa, factor que levou um dos jurados, Ricardo Pais, a aceitar o convite endereçado, tal como o próprio revelou.

 

Comediantes, cantores, artistas de rua, ilusionistas, malabaristas, entre outros, podem estar presentes nos três locais de audições. Domingo e hoje, 10 de Janeiro, foi a vez do Teatro Tivoli, em Lisboa, receber as primeiras audições. Seguem-se o Theatro Circo, em Braga, nos dias 16 e 17 de Janeiro, e o Teatro das Figuras, em Faro, a 25 e 26 de Janeiro.

 

Com ‘Portugal Tem Talento’, “a SIC procura regressar à liderança das noites de domingo”, dia da semana em que o programa será emitido. A elevada fasquia foi colocada pelo director de programas do canal, Nuno Santos, hoje em conferência de imprensa.

 

O director da Fremantle Media reitera as aspirações de Nuno Santos. “É o formato certo e um programa de variedades para ser visto em família”, explica Frederico Ferreira de Almeida.

 

Por seu lado, Bárbara Guimarães mostra-se satisfeita com o seu regresso à televisão, após ter gozado a licença de maternidade.

 

“É um programa bom para o meu regresso. Envolve trabalho de equipa e é desafiante e, por aquilo que tenho visto, Portugal tem muito talento”, afirma a apresentadora.

 

A estreia está agendada para a noite do dia 30 de Janeiro.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 19:50 | link do post | comentar

Sábado, 08.01.11

 

A SIC Notícias surgiu a 08 de Janeiro de 2011 como um canal informativo de 24 horas em directo e em português. É, aliás, o lema da estação. Passados dez anos, mudaram-se as formas de ver televisão e de fazer jornalismo.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Às 07:00 do dia 08 de Janeiro, Pedro Mourinho deu início às emissões regulares da SIC Notícias. O canal nasceu fruto de uma parceira estabelecida entre a SIC e a então TV Cabo (agora ZON) e da reformulação do CNL – Canal de Notícias de Lisboa.

 

Antes de existir a SIC Notícias, os hábitos de consumo de informação dos portugueses consistiam em “ver as notícias duas vezes por dia (almoço e jantar), com algumas excepções para debates ou entrevistas”, considera o director do canal, António José Teixeira, em declarações ao Expressões Lusitanas.

 

A existência de um canal informativo português 24 horas por dia mudou “significativamente” o modo como “a sociedade se relaciona com a comunicação social”. Outra das mudanças apontadas pelo responsável assiste-se na relação entre os políticos e a política com o meio televisivo.

 

As mudanças não surgem apenas da adaptação de uma só parte. António José Teixeira afirma que a SIC Notícias teve de se “adequar” e “responder” da “melhor forma possível” aos acontecimentos que foram irrompendo e na “forma de os explicar, enquadrar e questionar”, feita de uma forma considerada “distanciada” e “independente”. Tal facto fez com que o canal ganhasse “credibilidade”.

 

Dez anos se passaram e a efeméride foi celebrada publicamente com uma conferência subordinada ao tema “Uma década de jornalismo – o que mudou e o que vai mudar”, que teve lugar na manhã de quinta-feira na Fundação Oriente, em Lisboa.

 

A dificuldade de fazer prognósticos e de prever o futuro da SIC Notícias para os próximos dez anos obriga António José Teixeira a reger-se por uma “certeza” e uma “convicção”. “Continuaremos empenhados a fazer jornalismo de qualidade e estarmos atentos às evoluções tecnológicas e às possibilidades de proximidade, ligação e interactividade com os espectadores que as mesmas oferecem”.

 

Hoje, dia de aniversário, o canal estreia uma nova imagem gráfica e sonora, mas mantém o modelo informativo “reconhecido” e funcional” em vigor durante esta década de emissões.



publicado por Expressões Lusitanas às 07:01 | link do post | comentar

Sexta-feira, 07.01.11

 

As duas estações privadas travam um braço-de-ferro com o governo sobre a transmissão dos tempos de antena das eleições presidenciais. SIC e TVI não aceitam proposta governamental de redução de 30% em relação ao valor pago em 2009.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O governo propôs aos dois operadores privados de televisão reduzir em 30% a compensação financeira a pagar pela transmissão dos tempos de antena dos vários candidatos à presidência da República, em relação ao último acto eleitoral, que teve lugar em 2009.

 

“O tempo de antena passa a uma hora de ‘prime-time’ e sempre foi remunerado. O pagamento foi discutido há algum tempo e agora pretendem um desconto à última hora. Como de costume, em vez de as coisas serem discutidas com tempo, são feitas no último momento”, disse Francisco Pinto Balsemão, à margem da conferência do 10º aniversário da SIC Notícias.

 

O presidente do grupo Impresa, que detém a SIC, está consciente das dificuldades vividas pelo país e pelo estado e, nesse sentido, pretende “colaborar”, tendo para isso apresentado uma proposta de redução de apenas 5%.

 

“Caso a proposta não seja aceite, podem dispensar a SIC e o serviço público – RTP – que transmita [os tempo de antena] ”, assevera Balsemão.

 

Todavia, o assunto está a ser discutido em reunião marcada para esta tarde. “As coisas serão negociadas. Não estamos com instintos sanguinários", afirma Francisco Pinto Balsemão.



publicado por Expressões Lusitanas às 20:24 | link do post | comentar

Adam Boulton (Sky News) e Francisco Pinto Balsemão (Impresa)


A Internet apresenta um cada vez maior número de informação, “muitas vezes de desinformação”, em que a mesma “não é balizada” e “regulamentada”. Perante tal facto, Francisco Pinto Balsemão defendeu hoje que os ‘media’ servem para “seleccionar”, “ordenar” e “hierarquizar” a informação, de acordo com critérios deontológicos.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“A Internet transformou-se numa lixeira”. Esta foi a frase que o director-geral da Google, Eric Schmidt, utilizou para definir o estado actual da rede e que o presidente do grupo Impresa citou para provar a necessidade da existência dos meios tradicionais de comunicação, num mundo em que os ‘smartphones’ e ‘tablets’ imperam.

 

Na conferência de celebração dos 10 anos da SIC Notícias, que decorreu hoje na Fundação Oriente, em Lisboa, Francisco Pinto Balsemão afirmou ainda que existe um “excesso” de informação – “muitas vezes de desinformação” – que “não é balizada”, “regulamentada” e é disponibilizada sob “a base do anonimato”.

 

Neste sentido, Balsemão defende que é “urgente” seleccionar, ordenar e hierarquizar a informação, de acordo com critérios deontológicos, função exercida pelos meios de comunicação.

 

“Os ‘media’ servem, ou devem servir, para separar o trigo do joio, salvaguardar a liberdade de expressão, veicular opiniões diferentes e ser um aguilhão perante a indiferença da opinião pública”, detalha o presidente do grupo Impresa, que detém a SIC, Expresso ou Visão.

 

Apesar de admitir que os meios e o “jornalismo profissional” são “efectivamente necessários”, Balsemão não ignorou o actual contexto de crise económica, que coloca os ‘media’ numa “situação difícil”.

 

O presidente da Imprensa afirma também que os grupos de comunicação adoptaram um modelo “errado” de negócio para a Internet, baseado na gratuitidade dos conteúdos disponibilizados ao público.

 

Neste contexto, Balsamão defende a “perseguição” à pirataria e a “luta” pelos direitos de autor, “cruciais” para o jornalismo. “Não se trata de uma obsessão capitalista”, remata.

 

A conferência de comemoração dos dez anos da SIC Notícias contou ainda com a presença do editor de política da estação britânica Sky News. Adam Boulton assinala o facto de o canal informativo português ser líder no conjunto dos canais temáticos transmitidos em Portugal via sinal codificado, um caso de estudo a nível mundial.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:44 | link do post | comentar

Quarta-feira, 05.01.11

 

Da esquerda para a direita: Isabel Figueira, Francisco Mendes e Catarina Limão (equipa Top +)


‘Top +’ e ‘Só Visto’ apresentam-se em 2011 com um novo cenário e uma nova imagem gráfica. Maior interactividade com os espectadores via Facebook, mais reportagens, lançamentos de novas rubricas e passatempos são alguns dos eixos centrais característicos da mudança. Ambos os programas vão ser gravados no mesmo estúdio, mediante o recurso a um cenário “camaleão”.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Para além do Telejornal, ‘Top +’ é um dos programas mais antigos na televisão portuguesa, estando perto de completar 20 anos de emissões e entra em 2011 com cara lavada. Tal facto deixa os seus apresentadores “satisfeitos”.

 

“A renovação do programa é importante para a música portuguesa”, considerava Isabel Figueira, hoje, em conferência de imprensa.

 

Dos actuais 60/70 minutos de duração, o programa vai passar a ocupar 90 minutos fixos na grelha da RTP 1. “Tal permite ter três actuações ao vivo por programa e público a assistir”, explicava o director de programas da RTP, José Fragoso.

 

As bandas e intérpretes presentes na edição de este sábado são os Deolinda, João Pedro Pais e Os Golpes.

 

Outra das novidades consiste na divulgação semanal do ‘top’ digital, feito por uma empresa externa, através do qual “é possível acompanhar as vendas de conteúdos musicais na Internet, através dos ‘downloads’ legais”, adianta o responsável.

 

Uma maior interactividade nas redes sociais, nomeadamente no Facebook, é outra das apostas do novo ‘Top +’. “Vamos estar mais presentes neste mundo e estabelecer relações com os mais jovens”, afirma ainda José Fragoso.

 

Os novos talentos da música portuguesa e as bandas de garagem vão ter uma “porta aberta” no novo formato do programa. A RTP vai ainda realizar a cobertura de eventos musicais, como os festivais de Verão.

 

A dupla de apresentadores mantém-se - Isabel Figueira e Francisco Mendes – e as reportagens vão continuar a estar a cargo de Catarina Limão e Luís Oliveira.

 

Entretanto, vai ser lançado um “desafio nacional” para co-apresentadores do programa. Os respectivos detalhes ainda não foram divulgados.

 

Por seu lado, ‘Só Visto’ pretende estar nos bastidores e junto dos protagonistas e vai manter a presença de um convidado especial, mas fora do estúdio. “Tanto pode estar no café, no eléctrico ou em outros locais”, adianta José Fragoso.

 

O convidado da estreia da nova imagem do programa, a ir para o ar este domingo, 09 de Janeiro, é Fernando Alvim. A apresentadora Marta Leite e Castro conduziu a conversa com o radialista no Jardim Zoológico de Lisboa.

 

Ambos os programas vão ser gravados no mesmo estúdio, dada a versatilidade do ‘décor’ desenhado para o efeito. Confrontado pelos jornalistas sobre os custos do investimento, José Fragoso escusou-se a falar em números. Contudo, garante que o custo inicial é amortizado com o número de programas. “Em dois anos conseguimos rentabilizar o investimento”, assevera.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 19:51 | link do post | comentar

 

Monte da Virgem (Vila Nova de Gaia) / Google

 

A Autoridade Nacional das Comunicações (Anacom) anunciou esta terça-feira, 04 de Janeiro, que o sinal analógico de televisão vai começar a ser parcialmente desligado a partir de Janeiro do próximo ano. A 26 de Abril de 2012 será feito o chamado apagão analógico, pelo que necessita de ter um televisor compatível com a norma da Televisão Digital Terrestre (TDT) ou um descodificador de sinal.

 

Expressões Lusitanas

Com Lusa

 

De acordo com o regulador, a primeira fase da cessação das emissões analógicas terrestres de televisão - o apelidado 'switch off' - começa a 12 de Janeiro  de 2012 para os emissores e retransmissores "que asseguram sensivelmente a cobertura de uma faixa litoral do território continental".

 

A segunda fase acontecerá a partir de 22 de Março do próximo ano e dirige-se às regiões autónomas da Madeira e Açores.

 

A terceira fase, a 26 de Abril, será a final e abrigará os emissores e transmissores restantes.

 

Antes do início destas datas, o 'switch off' será feito em três zonas piloto para "afinar os procedimentos de preparação da cessação das emissões analógicas terrestres em todo o território, minimizando os riscos associados  a tal operação", explica a Anacom em comunicado.

 

A substituição do sinal nestas zonas piloto começa a 12 de Maio deste ano em Alenquer, seguindo-se o Cacém, a 16 de Junho, e terminando com a Nazaré, a 13 de Outubro.

 

Nestas três regiões, a operação envolverá as instituições do poder local e outras entidades locais relevantes para que o processo "decorra nas melhores condições".

 

A Anacom adianta ainda que vai avançar com uma campanha de sensibilização  da população sobre o desligamento da televisão analógica, apesar do sinal digital já cobrir cerca de 87 por cento da população portuguesa.

 

 



publicado por Expressões Lusitanas às 17:50 | link do post | comentar

 

 

A apresentadora, que recentemente se mudou da TVI para a rival SIC, vai começar a desempenhar as suas novas funções na segunda-feira, 17 de Janeiro, informa o Correio da Manhã na sua edição ‘online’. O jornal indica ainda a possibilidade de Júlia Pinheiro ser apresentada oficialmente pela estação de Carnaxide no dia 14.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Júlia Pinheiro vai assumir as funções de coordenadora dos programas diários da SIC, como “Companhia das Manhãs” e “Boa Tarde”. A apresentadora ocupa assim um cargo na direcção de programas, à semelhança do que acontecia na TVI, estação na qual era a directora de formatação de conteúdos.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 17:43 | link do post | comentar

Quarta-feira, 01.12.10

 

“The Magicians” é o nome do programa a emitir em horário nobre pela estação pública britânica e no qual está presente o ilusionista português. Luís de Matos assinou contrato com a BBC para participar em cinco programas especiais.

 

Expressões Lusitanas


Lenny Henry vai ser o apresentador de “The Magicians” e Luís de Matos vai estar acompanhado pelos colegas de profissão Chris Korn, dos Estados Unidos da América, e Barry & Stuart, do Reino Unido.

 

O programa vai para o ar em Janeiro e os ilusionistas vão contar com a colaboração de algumas celebridades do Reino Unido.



publicado por Expressões Lusitanas às 22:37 | link do post | comentar

 

O canal de informação de Queluz de Baixo está a partir de hoje disponível na operadora de telecomunicações Cabovisão. A TVI 24 vai ocupar a posição oito na grelha de canais.

 

Expressões Lusitanas

 

Inaugurado em Fevereiro de 2009, a TVI 24 chega hoje à plataforma da Cabovisão.



publicado por Expressões Lusitanas às 22:09 | link do post | comentar

Segunda-feira, 29.11.10

Laura Figueiredo é a segunda a contar da esquerda

 

Laura Figueiredo vai acumular a cobertura do programa Ídolos (blocos diários e directos) com a tarefa de colmatar a ausência de Cláudia Borges, que goza de licença de parto, no programa “Fama Show”, transmitido aos domingos pela SIC.

 

Expressões Lusitanas


Com 24 anos de idade, Laura Figueiredo é também uma das vilãs da série “Lua Vermelha” e tem no currículo participações em outras séries e novelas. A apresentação de programas é uma estreia para a actriz.



publicado por Expressões Lusitanas às 16:35 | link do post | comentar

 

A final da quarta edição do concurso de caça de talentos musicais Ídolos vai ser transmitida a partir da Praia dos Pescadores, em Albufeira. O evento está incluído no programa de actividades agendadas pela autarquia de Albufeira para a passagem de ano.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

De acordo com uma nota de imprensa enviada pela SIC ao Expressões Lusitanas, o vencedor do programa Ídolos vai ser conhecido na gala a ser transmitida em directo a partir de Albufeira.



publicado por Expressões Lusitanas às 16:19 | link do post | comentar

Terça-feira, 23.11.10

 

Quais são os seus métodos de trabalho, a forma como interage com os jogadores e como se tornou no “Special One”. São algumas das perguntas que os repórteres da SIC Nuno Luz e Paulo Cepa fizeram a José Mourinho. O resultado final está numa reportagem a ser transmitida esta quinta-feira à noite pela SIC.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

“O segredo do treino de José Mourinho é adaptar-se às equipas concorrentes. Ele devora informação sobre os adversários, o que permite aos seus jogadores ficar a saber de tudo”, afirma Nuno Luz, após a visualização para a imprensa da reportagem a emitir pela estação de Carnaxide na quinta-feira, 25, após o Jornal da Noite.

 

Rui Faria, Silvino, Lampard, Drogba, John Terry, Milito, Zanetti, Materazzi, Peter Kenyon, Paulo Ferreira, Vítor Baía, Carlos Mozer, Jorge Costa, Maniche, Costinha, Cristiano Ronaldo, Florentino Pérez e Jorge Mendes são alguns dos testemunhos do percurso de Mourinho ouvidos nesta reportagem.

 

“José Mourinho – O Melhor Treinador do Mundo” levou cerca de três meses até estar concluída e os repórteres da SIC tiveram “liberdade total”.

 

“[José Mourinho] não gosta muito de homenagens. Quando lhe propus a ideia, não deu uma resposta concreta, mas depois de lhe explicar o que queria fazer, ele aceitou de imediato e deu liberdade para tal”, explica Nuno Luz ao Expressões Lusitanas.

 

A reportagem vai ser emitida pela SIC na quinta-feira, 25, após o Jornal da Noite. Tem a duração de uma hora.



publicado por Expressões Lusitanas às 20:57 | link do post | comentar

Domingo, 31.10.10

 

A primeira gala em directo desta edição do Ídolos vai ter duas partes. Hoje é conhecido o 13º concorrente, após contados os votos do público. Maria Sturken ou Neemias Silva podem preencher o lugar aberto pelo júri no Juízo Final. Todavia, apenas dez candidatos podem permanecer no concurso. Os vencedores serão conhecidos amanhã.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

Adriano Correia, Carolina Deslandes, Gerson Santos, Gonçalo Dias, Joceline Medina, Maria Bradshaw, Maria Manuel, Martim Vicente, Mónica Ribeiro, Raquel Pinho, Ricardo Costa e Sandra Pereira são os 12 finalistas do programa Ídolos.

 

No entanto, há uma vaga por ocupar, deixada em aberto pelo júri do concurso. Maria Sturken ou Neemias Silva. A decisão vai ser conhecida hoje à noite.

 

A produção do programa decidiu dividir a gala em duas partes. Hoje, 31 de Outubro, depois de conhecidos os 13 eleitos, os finalistas mostram o que valem no palco do concurso. Contudo, os resultados apenas vão ser conhecidos amanhã, 01 de Novembro, dia em que vão ser revelados os dez candidatos a permanecer no programa.

 

Ao longo de quase 24 horas, o público vai escolher nove concorrentes por voto telefónico. O júri fica com a responsabilidade de escolher o décimo entre os quatro menos votados.



publicado por Expressões Lusitanas às 16:56 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.10.10

 

A jornalista da SIC Clara de Sousa foi distinguida com o prémio Melhor Comunicadora Nacional, galardão entregue na Gala de Leiria – 18ª edição dos Troféus Pedrada no Charco.

 

Expressões Lusitanas


Este ano, sob a tutela do Orfeão de Leiria Conservatório de Artes e subordinada ao tema “Idade maior”, a Gala de Leiria premiou aqueles que se distinguiram no ano de 2009/2010.

 

Entre os premiados das edições anteriores destes troféus contam-se vários nomes, como Miguel Sousa Tavares, Rui Zink, João Baião, Sílvia Alberto e José Carlos Malato.



publicado por Expressões Lusitanas às 13:26 | link do post | comentar

Quarta-feira, 06.10.10

 

A festa de comemoração da maioridade do canal de Carnaxide foi celebrada hoje no Teatro Tivoli, em Lisboa. Durante nove horas de emissão, várias figuras do passado e do presente da SIC foram evocadas.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O “Parabéns a Você”, nome do programa de aniversário da SIC, começou por volta das 9:00. Cláudia Vieira, João Manzarra e Daniel Oliveira asseguraram a maratona de novas horas de emissão em directo, apenas com a pausa para o “Primeiro Jornal”, às 13:00.

 

Várias caras da estação passaram pelo Teatro Tivoli e foram recordados programas e períodos vividos durante os 18 anos da SIC.

 

Os momentos altos da festa tiveram lugar aquando da homenagem feita a Rosa Lobato Faria, Camacho Costa e António Feio, figuras marcantes da cultura portuguesa.

 

No final, com o bolo em palco, cantaram-se os parabéns e ouviram-se os acordes iniciais do hino da SIC, que, nos anos 90, antecedia a abertura das emissões diárias do canal.



publicado por Expressões Lusitanas às 23:35 | link do post | comentar