Quinta-feira, 19.08.10

 

 

A RTP2 vai exibir, entre os dias 23 e 27 de Agosto, às 23:45, um documentário realizado por um autor português. São cinco filmes que homenageiam Celeste Rodrigues, a diva Amália Rodrigues, Carlos Paredes e Zeca Afonso, informa a RTP em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

No dia 23 é exibido “Fado Celeste”, um documentário sobre a obra e a vida de Celeste Rodrigues, a irmã mais nova da diva do fado Amália Rodrigues.

 

“Este filme centra-se na imensa memória que Celeste Rodrigues possui. É a canção de Lisboa por uma voz octogenária, que nos dá uma história de vida em cada palavra que canta”, detalha a RTP na nota enviada.

 

“As Cordas de Amália” é o filme que se segue, a ser emitido na terça-feira, 24 de Agosto, no qual serão expostos os testemunhos e as histórias narradas por Raul Nery, Fontes Rocha e Joel Pina, que acompanharam e pisaram vários palcos com Amália ao longo de vários anos.

 

“Não foram apenas testemunhas do sucesso de Amália. Foram actores da excepcional história da cantora e das suas conquistas. Em ‘As Cordas de Amália’, juntámo-los no Clube do Fado, em Lisboa, e relembrámos os gloriosos anos em que se reuniram no mítico Conjunto de Guitarras Raul Nery”, refere.

 

Na quarta-feira, 25 de Agosto, o documentário a ser transmitido intitula-se “Diva: Simplesmente Uma Homenagem”, que reproduz a vida e obra de Amália Rodrigues, sem deixar de lado alguns dos contratempos vividos pela fadista.

 

“Face a todas as contrariedades, Amália Rodrigues manteve fielmente a postura que criara para si desde que pegou no fado e o moldou à sua maneira, tirando-o das tabernas em direcção aos mais prestigiados palcos do mundo. Amada por uns e odiada por outros, a cantora nunca se deixou ultrapassar pelos acontecimentos e, mesmo se com alguma ingenuidade à mistura, conseguiu passar por cima de todas as situações adversas, saindo pela porta grande, sem ter de as contornar sinuosamente”, lembra a RTP.

 

Carlos Paredes vai ser a figura central do documentário a ser visionado no dia 26 de Agosto na RTP2. “Movimentos Perpétuos - Tributo a Carlos Paredes” é um filme em 17 movimentos, em que “os testemunhos e a guitarra definem o génio, a bravura e a modéstia” do compositor e guitarrista.

 

O último dos cinco documentários que a RTP 2 vai divulgar na próxima semana tem Zeca Afonso como pano de fundo – “Não Me Obriguem a Vir Para a Rua Gritar”.

 

“O Homem e a Obra marcaram toda uma geração de portugueses. E deixaram uma herança social e cultural às gerações seguintes. Todos temos um pouco de Zeca Afonso, um homem cujo génio ultrapassa qualquer época ou catalogação. Um homem cuja mensagem é veiculada por letras que se revelam sempre actuais”, sublinha a televisão pública no referido comunicado.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:56 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.07.10

 

Se a diva do fado estivesse viva, Amália Rodrigues completaria hoje, 23 de Julho, 90 anos de idade. Para celebrar a efeméride, a RTP exibe o programa “As Cordas de Amália” (RTP 2) e o filme restaurado e inédito em televisão “Vendaval Maravilhoso” (RTP 1).

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista


Hoje, às 21:00, a RTP 2 estreia o programa ‘As Cordas de Amália’, que retrata as “testemunhas do sucesso de Amália” nas vozes de Raul Nery, Fontes Rocha e Joel Pina, que acompanharam a diva ao longo de vários anos.

 

“Com a fadista pisaram palcos mundo fora. Ouviram os mesmos aplausos. Enfrentaram as mesmas plateias comovidas. Não foram  apenas testemunhas do sucesso de Amália. Foram actores da excepcional história da cantora e das suas conquistas”, explica a RTP em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Por seu lado, a RTP 1 exibe ‘Vendaval Maravilhoso’, um filme inédito e restaurado. Realizado em Portugal no ano de 1949 por José Leitão de Barros, o elenco é composto por Amália Rodrigues, Barreto Pereira e Paulo Maurício.

 

‘Vendaval Maravilhoso’ expõe a vida “agitada” e “trágica” de Castro Alves e as suas “inclinações sentimentais” até encontrar Eugénia Câmara, o seu “verdadeiro e grande amor”, no decorrer de “um dos maiores acontecimento brasileiros do século XIX” -  a libertação dos escravos, detalha a RTP.



publicado por Expressões Lusitanas às 20:28 | link do post | comentar

Quarta-feira, 16.06.10

 

Os músicos Carminho, Ricardo Ribeiro e Paulo de Carvalho participam na terceira edição do Festival de Fado e Flamenco Badasom (7 a 10 de Julho), em Badajoz, que contempla uma homenagem a Amália Rodrigues.

 

Expressões Lusitanas

Agências

 

O festival, que une duas sonoridades marcantes das culturas portuguesa e espanhola, é promovido pelos serviços de Cultura da Junta da Extremadura espanhola.

 

A iniciativa conta com a actuação de Carminho, Paulo de Carvalho e Ricardo Ribeiro, que vão recordar Amália Rodrigues no espectáculo “Grande Noite de Fados”, a 8 de Julho, no Auditório Ricardo Carapeto, em Badajoz.



publicado por Expressões Lusitanas às 22:06 | link do post | comentar

Sábado, 20.02.10

 

A apresentação da quarta edição do programa turístico “Allgarve’10” vai ser realizada hoje à noite no Centro de Congressos do Arade, no Parchal (Lagoa). O orçamento para este ano ronda os quatro milhões de euros.

 
Daniel Pinto Lopes
 

O secretário de Estado do Turismo, Bernardo Trindade, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Patrão, e o presidente do Turismo do Algarve, Nuno Aires, vão estar presentes na abertura de mais uma edição do programa “Allgarve”.

 

Os Hoje, que recriam Amália em versão ‘pop’, participam na inauguração, uma cerimónia que tem hora de início marcada para as 19:00 de hoje no Centro de Congressos do Arade, Parchal, no Algarve.

 

O programa “Allgarve” é uma iniciativa do Turismo de Portugal e do Turismo do Algarve e conta com o envolvimento dos municípios e agentes locais.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 21:03 | link do post | comentar

Segunda-feira, 05.10.09

                     

 

Hoje, o Expressões Lusitanas apresenta um excerto de um documentário sobre “Mariza e a História do Fado” (“Mariza and The Story of Fado”). Tem a duração de 52 minutos e foi realizado em Inglaterra por Simon Broughton.
 
Neste documentário é apresentada a história do Fado (o chamado “blues português”), o significado e a etimologia da palavra, entre outras sabedorias, tudo isto com as ruelas e os bairros históricos de Lisboa em pano de fundo.
 
Enquanto uma das mais carismáticas e célebres "divas" do fado, Mariza é a personagem principal do documentário, que conduz o espectador por uma viagem entre a arte e a alma do fado.
 
Amália Rodrigues, que no dia de hoje se celebra o 10º aniversário do seu desaparecimento, também não é, obviamente, esquecida.
 
Para ver o excerto deste documentário, clique AQUI.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 22:48 | link do post | comentar