Quarta-feira, 03.03.10

 

O Festival de Vilar de Mouros não se realiza este ano devido “à falta de tempo” que existe para preparar o evento, apesar de haver várias propostas de empresas interessadas, informa ao Expressões Lusitanas a autarca local.

 
Daniel Pinto Lopes
 

A presidente da junta de freguesia de Vilar de Mouros, Sónia Fernandes, explica que seria “arriscado” realizar o festival este ano, pelo facto de “haver pouco tempo” para preparar o evento e conseguir “arranjar patrocínios”.

 

Neste sentido, a autarca local eleita nas últimas eleições autárquicas sublinha que “quer” esperar mais um ano, o que pode significar o regresso em 2011 do mais antigo festival português de música realizado ao ar livre.

 

“Vamos fazer tudo o que seja possível [para que o festival regresse em 2011]. Também vai depender das próprias empresas e das condições com que chegarmos a acordo”, detalha.

 

Sónia Fernandes relembra ainda que este ano se realiza o Rock in Rio, em Lisboa, facto que “podia” influenciar a adesão dos interessados.



publicado por Expressões Lusitanas às 14:05 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Segunda-feira, 25.01.10

 

O Cinema Europa, previsto para ser demolido há vários anos, aguarda a compra da Câmara Municipal de Lisboa de parte do edifício, depois do "primeiro passo", que foi a garantia financeira em Orçamento Participativo. *com DN

 

Na descrição do projecto é estabelecida a "criação de um equipamento cultural no piso zero do Europa, respondendo a uma carência desta zona da cidade", comprometendo-se a autarquia da capital a adquirir parte do edifício que data da década de 1930.
 
Dos 4 935 000 euros atribuídos a 12 projectos no Orçamento Participativo de 2010, 690 mil euros foram destacados à iniciativa referente ao Cinema Europa, quantia a distribuir por "diversos projectos" e "obra e equipamento do novo espaço cultural".


publicado por Expressões Lusitanas às 22:51 | link do post | comentar