Quarta-feira, 29.09.10

 

A portuguesa Aurea, natural de Santiago do Cacém, estreia-se no mundo da música com um disco homónimo. As sonoridades do ‘jazz’ e da soul’ estão intimamente ligadas e são o fio condutor deste disco, no qual o amor é o “tema principal”.

 

Daniel Pinto Lopes

Jornalista

 

O caminho até ao lançamento do seu primeiro álbum começou na Universidade de Évora. Aurea estava no curso de Teatro e conheceu aquele que viria a ser o compositor da maioria das músicas presentes neste disco, de seu nome Rui Ribeiro.

 

O primeiro álbum de Aurea contém 12 temas, três dos quais são versões de artistas ou grupos dos anos 60 e 80.

 

Porém, nenhuma das canções é cantada em português. Aurea justifica que, tratando-se de um disco de música ‘soul’, faz “mais sentido” incluir temas em inglês. [mais detalhes na reportagem vídeo]



publicado por Expressões Lusitanas às 16:47 | link do post | comentar

Segunda-feira, 29.03.10

 

“Super Miúdos” estreia hoje à noite e vai substituir o “Jogo Duplo” na RTP1. Uma equipa de sete crianças vai “servir de obstáculo” para que os quatro adultos concorrentes não ganhem o concurso e a quantia em prémio.


Daniel Pinto Lopes

O director de programas da RTP, José Fragoso, explica ao Expressões Lusitanas que “Super Miúdos” se trata de um “concurso muito divertido” e de “formato” familiar, o que permite “juntar os pais e os filhos” à frente da televisão.

 

Em cada episódio uma equipa de quatro adultos tem pela frente sete “pequenos génios”, com idades compreendidas entre os 9 e os 15 anos, “programados para derrotar adultos” e fazer com que estes vão para casa sem qualquer prémio, detalha a apresentadora do programa.

 

Sílvia Alberto, que apresentou recentemente o Festival RTP da Canção, afirma ao Expressões Lusitanas que estar à frente da condução deste concurso é uma “experiência completamente nova” e “um outro campeonato”.

 

O formato é inspirado no modelo britânico e comporta cinco jogos que vão opor miúdos e adultos frente-a-frente num mesmo programa.

 

Apesar de as crianças concorrentes não ganharem nenhuma recompensa, Sílvia Alberto garante que ficam “bastante contentes” e “felizes” quando fazem perder um adulto e, desta forma, parte do dinheiro acumulado.

 

“Não podemos tratá-los como crianças porque somos surpreendidos. São pequenos génios e, por vezes, é como se estivéssemos a falar com adultos”, afiança.

 

Sílvia Alberto recorda que os adultos concorrentes “receberam algumas respostas de que não estavam à espera”. E dá um exemplo: “Num programa, os concorrentes queriam aproveitar o dinheiro que eventualmente ganhassem para fazer uma viagem até às ilhas Fiji” e o comentário da criança foi imediato - “Se depender de mim não passam de Cascais”.

 

Cada programa é composto por quatro adultos e sete crianças de um conjunto total de 14, que vai rodar de forma aleatória de dia para dia. O responsável da programação da RTP refere ainda que as crianças são originárias de “vários pontos do país” e têm um aproveitamento escolar “elevado”, sendo necessário ter uma “dose de conhecimentos”, para além daquilo que é “ensinado na escola”.

 

“Este programa serve para contrariar a ideia de que as novas gerações estão menos preparadas ou que ligam menos ao conhecimento”, remata José Fragoso.

 

“Super Miúdos” tem estreia marcada para hoje depois do Telejornal, num total de 30 programas, substituindo, desta forma, o "Jogo Duplo", apresentado por José Carlos Malato.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:24 | link do post | comentar

Domingo, 13.12.09

                           

 

O actor José Carlos Pereira lançou este mês o seu disco de estreia "Azul", num registo 'pop-rock', que reflecte os gostos e influências musicais do actor, como são os exemplos de Ben Harper, Jack Jonhson ou os Beatles. *com CM
 
O 'single' de apresentação 'M'Água' integra a banda sonora da série da TVI "Morangos com Açúcar", enquanto o tema 'Sei Lá' foi escolhido para integrar a banda sonora da telenovela 'Meu Amor', também em exibição na estação de televisão de Queluz de Baixo.
 
'Azul' foi produzido por Alexandre Almeida, que já trabalhou com "Pedro Abrunhosa & Os Bandemónio", Mundo Secreto e Cazino.

 



publicado por Expressões Lusitanas às 14:31 | link do post | comentar