Terça-feira, 21.09.10

 

O mais recente disco de Júlio Pereira vai ser distinguido no dia 15 de Outubro pelo Orfeão de Leiria Conservatório de Artes com o prémio “Melhor Disco do Ano”, no âmbito da 18ª edição da entrega dos “Troféus Pedrada no Charco”.


Expressões Lusitanas


Em edições anteriores, estes prémios distinguiram vários nomes da música portuguesa, como Carlos do Carmo, José Mário Branco, Sérgio Godinho, David Fonseca ou Rita Redshoes.

 

Editado a 24 de Junho, “Graffiti” marca o regresso de Júlio Pereira aos discos, trabalho que contou com a participação especial de dez artistas convidadas: Sara Tavares, Dulce Pontes, Olga Cerpa, Marisa Liz, Nancy Vieira, Manuela Azevedo, Maria João, Sofia Vitória, Filipa Pais e Luanda Cozetti.

 

O instrumentista compôs as músicas, “já a pensar nas vozes que queria para interpretá-las”. Por sua vez, Tiago Torres da Silva escreveu as letras, Tiago Táron fez os desenhos que ilustram cada uma das canções e José Serrão “tomou conta da logística e dos contactos”, é explicado no comunicado enviado pela agência de Júlio Pereira ao Expressões Lusitanas.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:16 | link do post | comentar

Quarta-feira, 30.06.10

 

O compositor Júlio Pereira apresentou esta semana o seu novo trabalho discográfico intitulado “Graffiti”, que envolveu nove meses de trabalho consecutivo. Os dez temas com letras de Tiago Torres da Silva foram interpretados por vozes conhecidas da música portuguesa.

 

Daniel Pinto Lopes

Expressões Lusitanas

 

“O Júlio compôs as músicas, já a pensar nas vozes que queria para interpretá-las, o Tiago Torres da Silva escreveu as letras e o Tiago Tarón fez os desenhos que ilustram, sob o lema ‘Graffiti’, cada uma das canções”, explica a agência em comunicado enviado ao Expressões Lusitanas.

 

Os dez temas incluídos no novo disco de Júlio Pereira são interpretados por vozes femininas da música portuguesa, como Sara Tavares, Dulce Pontes, Nancy Vieira, Manuela Azevedo ou Luanda Cozetti.



publicado por Expressões Lusitanas às 19:59 | link do post | comentar