Sábado, 16.01.10

 

O presidente do Turismo de Portugal, Luís Patrão, acredita que este vai ser o "ano de recuperação" no sector do turismo, sublinhando que o ano de 2009 não foi, apesar da crise, "catastrófico".

 

Daniel Pinto Lopes (enviado especial à BTL)

 

O responsável está confiante de que o sector do turismo possa vir a recuperar em 2010. Luís Patrão destaca o trabalho "intenso" realizado entre os vários actores do sector para que o ano de 2009 não tivesse sido "catastrófico", admitindo, contudo, que tal cenário poderia ter sido realidade.

 

"O ano de 2009 foi o terceiro melhor ano de sempre e, mesmo no Algarve, foi talvez o quarto melhor ano da década", explica.

 

Luís Patrão sai ainda em defesa da importância da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), local onde "se mede o pulso e a energia ao sector e à sua capacidade transformadora e de sair da situação que tem vivido".

 

Quanto à quebra registada no número de 'stands', o presidente do Turismo de Portugal diz que é "necessário interpretar os números".

 

"Antes tínhamos um 'stand' do Turismo do Algarve e mais 16 das respectivas câmaras municipais. Este ano temos um único 'stand' do Turismo do Algarve que repartiu o seu espaço com as autarquias e com muitas empresas algarvias aqui representas", sublinha.

 

Luís Patrão desvaloriza assim a questão, referindo que a área expositiva é "sensivelmente a mesma", cujo espaço disponível encontra-se ocupado.



publicado por Expressões Lusitanas às 18:14 | link do post | comentar